Rússia ameaça derrubar aviões dos EUA na Síria

Por Valor, com agências internacionais

SÃO PAULO  -  O Ministério de Defesa da Rússia declarou nesta segunda-feira que pode atacar qualquer avião que sobrevoar a Síria em áreas do país nas quais a força aérea russa opera.

O comunicado surge depois que, no último domingo, um avião sírio foi abatido por um avião americano ao sul de Raqqa. Os Estados Unidos alegaram que o avião sírio havia bombardeado uma região muito próxima ao local onde estavam tropas da coalização que lidera na luta contra o Estado Islâmico (EI). Por outro lado, o regime sírio diz que o alvo eram militantes do grupo extremista, que controla a cidade e tenta protegê-la da missão de recaptura.

O Ministério de Defesa russo ainda disse que está suspendendo suas linhas de comunicação com os EUA que visam evitar incidentes não planejados na Síria.