1

Quatro razões para manter Meirelles

Por Rosângela Bittar

O presidente Michel Temer deverá aproveitar a oportunidade da nomeação do novo ministro-chefe da Secretaria de Governo, em substituição a Geddel Vieira Lima, para fazer mudanças pontuais na sua equipe. Não se trata de reforma ministerial, ideia que, como iniciativa política para sacudir o governo, está desgastada. Mas de leves adequações de nomes e cargos, inclusive para atender aquelas cúpulas partidárias que pretendem trocar seus representantes porque não funcionaram como gostariam.